Cat-1

Cat-2

Cat-3

Cat-4

» » A Verdadeira receita do Estradão

 A Verdadeira receita do Estradão

Origem
A Queima do Alho teve origem com os tropeiros, que viajavam em comitivas transportando o gado de uma cidade para outra. Por ficarem muito tempo na estrada, os tropeiros eram obrigados a levar alimentos de fácil conservação.

Conta a lenda que os cozinheiros iam na frente e avisavam aos tropeiros que a comida estava pronta por meio do choro do berrante. O cardápio é composto por arroz carreteiro, feijão tropeiro, paçoca de carne e churrasco. O preparo é feito em buracos improvisados no chão de terra.

Além de muito saborosa e nutritiva, a queima do alho hoje é uma forma de manter as tradições caipiras.

Receita de Arroz Carreteiro
O preparo do arroz carreteiro é simples, é preciso um quilo de carne-seca, um quilo de arroz, alho, pimenta e sal a gosto. A carne seca deve ser fervida duas vezes, trocando a água, para tirar o excesso de sal. Depois ela deve ser picada até ficar com aparência de carne moída.

Em seguida deve ser colocada em uma panela grossa com banha já quente. Junte com o alho picado, a pimenta e o sal. Frite um pouco e adicione o arroz.
Deixe refogar por algum tempo e adicione água aos poucos, sempre mexendo e acompanhe o cozimento.


Feijão TropeiroPara acompanhar o arroz a indicação é o feijão tropeiro. Para um quilo de feijão devem ser usados 100 gramas de bacon, 250 gramas de lingüiça de porco, 250 gramas de torresmo de panceta, 150 gramas de carne seca frita, 200 gramas de farinha de mandioca, cebola, alho, pimenta, cheiro verde e sal a gosto.

Ponha água para ferver com o feijão. Em outra panela frite em banha um pouco de torresmo. Durante o cozimento adicione aos poucos panceta de porco, toucinho, torresmo frito, lingüiça de porco, bacon e carne seca.

Churrasco
As taras de carne devem ser cortadas em tiras grossas e o tempero deve ser

feito com água e sal. Para os cortes pegarem o sabor a carne deve ser deixada
no sereno de um dia para o outro e assada em chapa de folhão.

Paçoca de carne
Feita com um quilo de charque picado, meio quilo de farinha de mandioca e meio quilo de farinha de trigo, a paçoca é outro acompanhamento da Queima do Alho tradicional.

Para o preparo, coloque em uma panela o óleo quente já com todo o tempero, adicione a carne e deixe refogar por cinco minutos. Depois coloque a carne dentro de um pilão de madeira e acrescente a farinha de mandioca e a de milho, pilar até ficar fofinha.


«
Next
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Sobre o autor Rádio Moda Sertanejo

O melhor"da"Música Sertaneja!

Nenhum comentário

Deixe uma resposta

Shows Sertanejos

Clássicos Sertanejos

Resenhas Sertanejas

Cat-5

Cat-6